Capa Alimentos proibidos cachorros

Não podemos negar que ficamos com o coração partido quando os nossos amigos peludos nos pedem por uma lasquinha daquilo que estamos comendo. É comum que, durante as nossas refeições principais ou mesmo fazendo uma rápida visita a geladeira, os cães venham correndo aos nossos pés e ficam nos olhando fixamente, tentando nos hipnotizar por comida. 

Normalmente as pessoas assumem que, independente do que estamos comendo, se dermos somente um pequeno pedaço ao cachorro, nada vai acontecer.

Mas, muitos dos nossos alimentos não são saudáveis para os nossos amigos peludos, mesmo que o alimento pareça completamente inóxio à ele. 

É importante estar sempre atento ao que damos de petisco aos cachorros e compreender que o organismo deles não são tão parecidos com os nossos. 

Acreditar que o cachorro pode digerir e mastigar qualquer tipo de alimento só porque ele gosta ou porque é um alimento natural, é errado. De fato, os animais não podem distinguir quais são os alimentos que fazem mal ao sistema digestivo deles, mas nós podemos. 

Veja também: 10 motivos para você ter um animal de estimação em casa!

Portanto, confira essa lista dos alimentos que você jamais deve oferecer aos cachorros >>>

Cebola e alho

Quando estamos cozinhando em casa, seja somente para nós mesmos ou para toda a família, sempre acabamos cedendo aos pedidos dos nossos bichos em receber um petisquinho do que estamos preparando. O problema do alho e da cebola, presente em quase todos os nossos pratos quentes, é que para a maior parte dos animais eles podem causar a destruição dos glóbulos vermelhos no sangue do bicho. Além disso, o consumo regular desses alimentos pode causar uma anemia bem séria no animal ou problemas irreparáveis na produção dos células vermelhas.

Alimentos proibidos cachorros
Cebola e alho (Reprodução Pixabay)

Uvas

Você não só pode como deve incluir frutas na dieta dos cães, pois são fontes de muitas fibras e vitaminas essenciais à saúde dos pets. Elas são benéficas para cachorros de qualquer porte, em qualquer idade. Porém, é importante ter cuidado com algumas frutas cítricas, pois o excesso do consumo pode irritar o estomago do animal, devido à acidez. Além do mais, não podemos jamais dar qualquer tipo de miolo ou caroço, e qualquer fruta deve ser oferecida com moderação. Mas o caso das uvas é diferente. O consumo dessa fruta pode causar uma rápida mudança de comportamento do cachorro, vomito, diarreia e, nos casos mais graves, insuficiência renal.

Alimentos proibidos cachorros
Uvas (Reprodução Pixabay)

Nozes

Nozes, por exemplo, é um tipo de castanha extremamente perigosa aos cachorros. O que normalmente ignoramos é que as oleaginosas podem conter um fungo que é venenoso para os cães, mas que são inofensivos aos humanos. Pode ser tão nocivo ao cão que pode até levar à morte. No caso das macadâmias, por exemplo, elas possuem uma toxina que é totalmente inofensiva a nós, mas que pode causar sintomas neurológicos graves, como fraqueza, tremores, febre e, nos piores casos, paralisia temporária.

Alimentos proibidos cachorros
Nozes (Reprodução Pixabay)

Sorvete

Quem é que nunca viu alguém oferecer sorvete a um cachorro? O problema é que o sorvete pode causar diversos problemas de saúde nos cães. Antes de mais nada, você deve verificar se o seu amigo peludo é intolerante a lactose. As consequências do consumo do leite em cães intolerantes a lactose são muito parecidas às que acontecem com os humanos, só que bem mais críticas por conta do tamanho reduzido do estômago deles. Então, não tem problema em oferecer um pouco de sorvete sem lactose, certo? Errado, pois mesmo que o leite não faça mal ao cachorro, o açúcar presente nos sorvetes faz e é completamente perigoso para o animalzinho.

Alimentos proibidos cachorros
Sorvete (Reprodução Pixabay)

Abacate

O abacate pode trazer diversos benefícios à nossa saúde, mas não a saúde dos nossos amigos de quatro patas. Essa fruta, dentre todas as substâncias ruins para os animais, ela contém uma toxina altamente perigosa a eles chamada Persin. Essa toxina possui uma ação fungicida inofensiva para o nosso intestino, mas que pode causar graves problemas digestivos, vômito, diarreia e obstrução intestinal. Portanto, não dê ao seu cachorro, de forma alguma, qualquer prato que tiver abacate na receita, mesmo que um pouquinho.

Alimentos proibidos cachorros
Abacate (Reprodução Pixabay)

Carne de porco

O porco é um animal portador de vários parasitas, alguns deles muito perigosos para o corpo de um cachorro. Portanto, jamais ofereça carne de porco crua ao seu amigo peludo. Além disso, o consumo da carne de porco, mesmo que cozida, pode levar a distúrbios intestinais, diabetes, doenças dos rins e fígados. Isso acontece porque o organismo dos cães não produzem enzimas suficientes para quebrar completamente a gordura dessa carne. E, por último, nunca ofereça ao seu cachorro osso de porco. Além da carne de porco, veja outros alimentos gordurosos que não devem ser consumidos por cachorros >>>

Alimentos proibidos cachorros
Bacon (Reprodução Pixabay)

Alimentos gordurosos e salgados

Os alimentos gordurosos demais ou com muito sal podem causar graves problemas de saúde ao animal. É importante compreender que uma quantidade moderada desses alimentos (não estamos falando dos industrializados) na dieta dos cachorros trazem benefícios a saúde, por ser uma fonte de vitaminas que mantêm os pelos e as almofadinhas das patas macias. O problema está no excesso desses alimentos na dieta dos animais, o que pode causar problemas sérios no sistema digestivo e até mesmo desenvolver uma pancreatite. Em contrapartida, o sal em excesso no alimento pode até levar o cachorro ao coma e a morte. Portanto, salgadinhos industrializados, batatas fritas, bacon e embutidos (salsichas, linguiças, mortadelas…) por exemplo, são venenosos aos cachorros.

Alimentos proibidos cachorros
Alimentos gordurosos e salgados (Reprodução Pixabay)

Chocolate

O chocolate talvez seja o alimento mais perigoso aos nossos companheiros peludos. Principalmente os chocolates amargos, por conta da alta quantidade de uma substância chamada teobromina. Essa substância, presente principalmente no cacau, pode levá-los facilmente a convulsões, taquicardia, hemorragia interna e, no pior dos casos, a morte. Mas, não pense que o chocolate ao leite não seja tão prejudicial quanto o amargo, pois além da teobromina, a quantidade de leite e açúcar também podem ser fatais. Acredite ou não, basta 50 gramas de chocolate amargo para envenenar fatalmente um chão de pequeno porte. 

Alimentos proibidos cachorros
Chocolate (Reprodução Pixabay)

Açúcar, doces e balas

Nunca ofereça qualquer alimento excessivamente açucarado ao animal, principalmente doces e balas. Os alimentos com alto teor de açúcar, além de causar danos aos dentes do animal (o que não é diferente no nosso caso), eles também podem desenvolver diabetes e obesidade. As balas, no entanto, utilizam xilitol como adoçante, que é tóxico ao cachorro e podem causar problemas graves como vômito, fraqueza, dificuldade de locomoção, tremores, convulsões, coma, letargias e, no pior dos casos, a morte. Tudo isso dentro de meia hora após a ingestão.

Alimentos proibidos cachorros
Açúcar, doces e balas (Reprodução Pixabay)

Ovo

Sabemos que existem inúmeras formas de preparar pratos com ovos e, dependendo de como você serve o ovo ao cachorro, ele pode ter reações diversas. Ovo cozido, por exemplo, contém um alto teor de biotina, que é responsável pelo crescimento do pelo e completamente inofensiva aos animais, pelo contrário, é recomendável oferecer ovos aos cachorros no máximo duas vezes por semana. Mas, as coisas mudam completamente quando servimos o ovo cru, pelo risco de desenvolver um tipo de salmonella.

Alimentos proibidos cachorros
Ovo (Reprodução Pixabay)

Ossos

Quem é que nunca viu um cachorro roer um osso? Acredito que ninguém. Mesmo que a maioria deles consigam mastigar e engolir o osso por completo, pelo que parece sem problema algum, nem sempre é assim. É melhor não oferecer aos cachorros ossos pequenos, como os de frango por exemplo, mesmo que ele normalmente não demonstre ter problemas em engolir o osso. Isso pode causar problemas digestivos e respiratórios, além do risco em ferir os órgãos digestivos ou sufocá-lo. A mesma coisa acontece quando ingerem sementes de frutas e grãos.

Alimentos proibidos cachorros
Ossos (Reprodução Pixabay)

Bebidas

Nós vamos abrir um pequeno parênteses com uma pequena lista de bebidas que não devemos jamais oferecer aos nossos amigos peludos.
Em primeiro lugar, devemos evitar qualquer tipo de leite. Já vimos acima quais são as possíveis reações que o cão pode ter ao consumir laticínios. Do mesmo modo, é aconselhado evitar também bebidas com muito açúcar, como os sucos de frutas ou refrigerantes. Confira outros dois tipos de bebidas que são completamente prejudicais aos cães:

Alimentos proibidos cachorros
Bebidas (Reprodução Pixabay)

Bebidas alcoólicas

As bebidas alcoólicas também não são uma boa ideia para os nossos cães. Mesmo que para alguns pareça engraçado ver as consequências do álcool no animalzinho, seria bom os mesmo se informarem sobre o que pode acontecer com os cães e, com certeza, a brincadeira perderia completamente a graça. O álcool pode ser comparado a um veneno para os cachorros e as consequências vão de vômito e diarreia a dispneia e morte. Portanto, não seja esse tipo de pessoa. Veja outra bebida nociva aos cachorros:

Alimentos proibidos cachorros
Bebidas alcoólicas (Reprodução Pixabay)

Café e chá

A mesma coisa vale para a cafeína e a teína. Ambas contêm o mesmo efeito energético, tanto em nós quanto nos cães e, assim como algumas pessoas têm taquicardia depois de uma xícara de café, para os cachorros isso é uma certeza. Pense que tanto o estômago quanto o coração dos bichinhos têm um tamanho muito menor comparado ao nosso e, com certeza, não estão preparados para receber uma dose energética como essa. Mesmo que em pequena quantidade, a consequência vai até a morte do animal. 

Se você gostou desse artigo, compartilhe com os seus amigos no Facebook!

Alimentos proibidos cachorros
Café e chá (Reprodução Pixabay)