Trocando os lençóis: tudo que você precisa saber

09/04/2018 - 2:56 5767 Views

A cada quantos dias é preciso trocar os lençóis? Será que é higiênico deixar mais uns dias? Estas são perguntas que a maioria de nós (benditos àqueles que não tem esse problema!) se fazem, olhando para a própria cama de manhã.

É verdade, nós passamos muitas horas durante a noite, abraçados pela maciez dos tecidos! Horas e horas rolando e, mesmo que tomarmos banho antes de dormir, depois de todo esse contato, deveríamos pelo menos dar uma boa batida nos lençóis pela manhã.

Infelizmente, médicos e cientistas não deixam dúvidas: lençóis e toalhas de banho são os tecidos que mais se impregnam de bactérias e microorganismos, e consequentemente, são os mais sujos. As toalhas de banho por sua vez, como você vê todo dia, estão sempre úmidas, e se sabe que, as bactérias adoram uma umidade. Já os lençóis, são vulneráveis ao pó e a tudo o que nós levamos à cama, incluindo germes (ecaaa), sujeira, pêlos, cabelos.

Portanto, para a nossa saúde e para o bem da nossa família, precisamos saber exatamente quando e como trocar os lençóis. Saiba tudo >> 

3) Lençóis, um ninho de sujeira

Cuidar da limpeza da nossa cama é muito importante. A lista de seres visíveis e invisíveis que podem ser encontrados alí, acima de tudo, em qualquer tipo de material é assustadoramente longa: por exemplo, tem os ácaros, as bactérias, pele morta, os pêlos, a sujeira, o pó, os restos de creme hidratante que passamos à noite, as secreções que já secaram (como por exemplo, suor e saliva), os insetos, pólen, fungos, caspa e até mesmo, partículas de animais e plantas. Pensar que todas essas “criaturas” podem estar na nossa cama, e que estamos nos misturando com elas, é de arrepiar. O importante é seguir essas regras básicas de higiene que eu listei pra vocês.

 

2) A cada quantos dias devo lavar os lençóis

De acordo com o diretor de microbiologia clínica do Centro Médico Langone de Nova York (Estados Unidos), os lençóis devem ser lavados pelo menos 1 vez por semana, para garantir uma quantidade pequena de bactérias nos tecidos. Essa periodicidade deve ser ainda menor, caso você ou alguém na sua casa esteja doente. O mesmo vale para aqueles que tem o hábito de dormirem nús ou se a temperatura externa for muito elevada.

Outros tecidos, que são presa fácil dos microorganismos nocivos, são as já mencionadas toalhas de banho, os panos de prato, os tapetes do banheiro, toalhas e cortinas. Agora, você só precisa saber em quê modo fazer a melhor lavagem, para higienizar bem os lençóis.

 

1) Lençóis limpos: a lavagem correta

Em primeiro lugar, é preciso ler as instruções na etiqueta, para evitar estragá-los, mas com certeza todas as peças indicadas anteriormente devem ser lavadas em altas temperaturas, especialmente se são de algodão (branco), que é um material resistente e não vai dar problemas. Recomenda-se a lavagem a 60° se você usou os lençóis por mais de uma semana, e 40° se a lavagem é feita toda semana.

Viu como é fácil garantir a higiene da sua cama? Garanto que agora você vai dormir bem mais tranquilo!

Você achou o nosso artigo útil? Então, compartilhe com as suas amigas no Facebook!