Babosa: como cultivá-la em casa

05/04/2018 - 10:41 295 Views

Os benefícios de uma planta como a babosa são muito conhecidos: útil como suplemento e depurador, esta planta também é ótima como estimulante do sistema imunológico, pois contém acemanano, um açúcar com propriedades antivirais, anti-inflamatórias e antitumorais.

E não é só isso: a babosa é considerada uma “curandeira natural” porque se usa também para o tratamento de feridas e queimaduras, para embelezar a pele, os cabelos e os dentes. Portanto, é interessante ter sempre um pouco em casa.

Embora existam muitas espécies, a melhor que se pode encontrar é a Aloe Peglerae que, ao contrário das outras, se distingue não somente pela aparência. De fato, as suas folhas são muito espinhosas e encurvadas, mas também pela sua natural ação de purificar o ar.

A vantagem de ter este tipo de planta em casa, no quarto ou no quarto das crianças, é a possibilidade de dispor de um ar puro, livre de substâncias nocivas, e de respirar um ar decididamente saudável. Se você quer tentar o cultivo em casa, em vasos, basta seguir algumas simples indicações. Antes de tudo, você precisa de uma muda de aloe, um vaso, um pratinho, um pouco de terra, um pouco de areia e água sem calcário.

E depois? Vamos descobrir juntos!

3) Clima e como regar

Por ser uma planta suculenta, a babosa não requer muita água e é capaz de suportar longos períodos de seca: é suficiente dar água uma ou duas vezes por semana, sem encharcá-la. No entanto, é importante prestar atenção no clima ao qual a planta é submetida. Para crescer do modo mais oportuno, a babosa precisa de um clima temperado, portanto convém deixá-la do lado de fora de casa se você vive em qualquer região exceto o sul. Já se você vive no sul do país, convém deixar a planta dentro de casa.

peglerae

 

2) Tipo de água

Não temos somente que prestar atenção na quantidade de água que usamos para regar a planta de babosa, mas também ao tipo de água. O calcário pode danificá-la em modo sério, comprometendo a sua duração, portanto é sempre melhor usar água que contenha baixas concentrações de calcário.

Você pode fazer como minha avó e usar a água da chuva, ou em alternativa, a água da torneira deixada em repouso por alguns dias em uma garrafa. Desta forma, os sedimentos de pedra calcária se depositarão no fundo e a água poderá ser usada tranquilamente para regar a planta.

watering-can-1379721_960_720-1

 

1) A terra

A escolha da terra na qual plantar a babosa é tão importante quanto o clima e o tipo de água que você irá usar para regar. Para este tipo de planta, é aconselhável usar um solo humífero (também conhecido como terra preta), mas que seja desprovido de matéria orgânica não decomposta. É possível fazê-lo em casa, misturando areia e terra em uma proporção de 1 para 3, ou seja, 1 parte de areia para 3 partes de terra. Desta forma, o solo consegue fazer uma boa drenagem sem permitir a estagnação da água.

aao_terricci_2-1024x576

Você gostou do nosso artigo? Compartilhe com os seus amigos!